Como planejar uma viagem para a Chapada dos Veadeiros: quando ir, o que fazer…

Compartilhe este post

A Chapada dos Veadeiros é um lugar M A R A V I L H O S O! Não é exagero dizer que é um dos locais mais lindos que já conheci, sério! No post de hoje vou te contar quando ir na Chapada dos Veadeiros, o que fazer, onde se hospedar e quantos dias ficar por lá.

Complexo do Prata, Chapada dos Veadeiros.
Complexo do Prata, Chapada dos Veadeiros.

Antes de começar a falar sobre as informações práticas que você precisa saber para visitar esse pedaço do paraíso, vou te contar um pouco sobre o bioma que compõe a Chapada, o cerrado.

O cerrado é o segundo maior bioma do Brasil. Possui mais ou menos 10.000 espécies vegetais, sendo que muitas servem para alimentação, como o pequi e o baru. A fauna e a flora do cerrado são especializadas e possuem um potencial farmacológico enorme.

A existência do cerrado é importante não só para o Brasil como para o mundo todo, ele possui espécies únicas, que não são encontradas em nenhum outro lugar. Ele é responsável pelo equilíbrio dos biomas que estão a sua volta.

Chuveirinho, flor do Cerrado.
Chuveirinho, flor do Cerrado.

DICA: antes de ir para a Chapada assista ao documentário “Ser Tão Velho Cerrado”. Eu vi pelo Netflix e achei muito interessante, questionador. Com certeza você terá uma visão diferente da Chapada e do cerrado depois que assistir o filme.

CONTINUE LENDO para descobrir como chegar, quantos dias ficar, o que levar, onde se hospedar, o que fazer e quando ir e na Chapada dos Veadeiros.

# Como chegar na Chapada dos Veadeiros

A Chapada dos Veadeiros fica no estado de Goiás, na região Centro-Oeste. Parte da Chapada pertence ao Parque Nacional e a outra parte está em propriedades particulares espalhadas pelos municípios de Alto Paraíso de Goiás, Cavalcante e São João da Aliança.

Existe, atualmente, apenas uma portaria que dá acesso ao Parque Nacional e ela fica na vila de São Jorge, que é distrito de Alto Paraíso.

O aeroporto mais próximo para quem deseja voar até a Chapada é o de Brasília. A partir da capital você precisará percorrer 240km até Alto Paraíso ou 320km até Cavalcante (a estrada é asfaltada e está em boas condições).

É possível fazer esse percurso de carro (próprio ou alugado) ou de ônibus. Se você optar por ir de ônibus a empresa que faz a rota é a Real Expresso, fique atento pois são poucos os horários disponíveis. Ir de carro é a melhor opção pois você vai precisar se deslocar de uma cachoeira para a outra, de uma cidade para a outra.

Cerrado.
Cerrado.

Obs: se não tiver carro por lá é comum o pessoal local oferecer carona. Ex: se você estiver em Alto e quiser ir para São Jorge, fique no ponto de ônibus perto do portal e tente deslocar uma carona, não é a melhor opção, mas já ajuda.

Obs2: existe uma ciclovia que liga Alto Paraíso de Goiás a São Jorge, se você gostar de pedalar pode alugar uma bike para fazer o trajeto, dá uns 35 km.

Se você escolher ir de carro (aconselhável) pode fazer uma cotação no site da Rentcars, que é uma comparadora de preços e busca sempre as melhores opções. O Blog é afiliado do site e sempre que você reserva através do nosso link, a empresa nos paga uma pequena comissão. Eu te ajudo e você me ajuda, legal né?

DICA: sugiro alugar um carro alto (tipo Sandero) pois você vai enfrentar muita estrada de terra por lá. Eu fui com o pessoal do Leve Sem Destino e o carro deles é um Etios, o bichinho deu conta, mas passamos por momentos de muita adrenalina rs. Se quiser tranquilidade total, alugue um 4×4 e seja feliz!

Complexo de Macaquinhos.
Complexo de Macaquinhos.

# Quando ir e o que fazer na Chapada dos Veadeiros

Eu fui no mês de setembro e adorei! Estava bem quente durante o dia, mas o banho de cachoeira no fim do túnel, ooops fim da trilha compensou o calor =D

A melhor época é relativa e depende muito do que você quer fazer e ver por lá.

Os meses mais secos são, geralmente, os de agosto e setembro. Nesse caso o volume de água de algumas cachoeiras fica baixo e é importante se atentar a isso quando for montar seu roteiro.

Catarata dos Couros, Chapada dos Veadeiros.
Catarata dos Couros, Chapada dos Veadeiros.

A partir do mês de Outubro já começa a temporada de chuvas. Mas é a partir de Novembro até Abril que a chuva vem com mais força (geralmente).

Em Maio e Junho o volume de águas está bom e o clima não está tão quente (inclusive, a noite faz muito frio), por isso muitas pessoas indicam essa época do ano.

Em Julho, o clima está um pouco menos frio, porém devido as férias escolares o movimento de turistas é grande.

Independente da época que você escolher ir, a Chapada e o cerrado vão te surpreender!

# Quantos dias ficar na Chapada dos Veadeiros

A vida toda HAHAHA, Eu acabei de chegar da Chapada e já quero voltar! rs

Eu fiquei 12 dias e conheci o básico. Sugiro ficar no mínimo 5 dias, menos que isso só se você for de Brasília ou de algum lugar próximo.

São muiiiitas cachoeiras para conhecer, muitas trilhas para fazer e o ideal é curtir a vibe da Chapada com calma! Não vá achando que vai conhecer tudo, pois nem quem mora lá conhece rs.

Complexo do Prata.
Complexo do Prata.

# Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

A portaria do Parque fica na Vila de São Jorge, situada a mais ou menos 35 km de Alto Paraíso de Goiás. Ele abre todos os dias, das 08h às 18h.

É preciso pagar R$17 para entrar no Parque e não é obrigatório contratar um guia, pois as trilhas são auto guiadas. Lá na portaria tem banheiro, bebedouro, lanchonete e wi-fi. Contarei mais sobre o Parque no post sobre São Jorge =)

Para mais detalhes acesse o site oficial do Parque.

Parque Nacional Chapada dos Veadeiros
Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

# Onde se hospedar na Chapada dos Veadeiros

Eu dividi meus dias e fiquei hospedada em Alto Paraíso, Cavalcante, Complexo do Prata e São Jorge.

Primeiro fiquei 4 noites no Camping Nosso Viveiro em Alto Paraíso, que possui uma estrutura de camping excelente e uma cabana (caso você não queira acampar). Depois fui para Cavalcante e lá fiquei 3 noites na Casa da Zuzu, que é camping e hostel.

De Cavalcante fui para o Complexo Rei do Prata e lá fiquei hospedada 1 noite no Espaço Rei do Prata, que também é camping e hostel. Super conexão com a natureza!

Por último, fiquei 3 dias no Camping e Hostel Passarim em São Jorge, que está situado bem próximo a portaria do Parque e oferece um café da manhã vegano delicioso.

Catarata dos Couros.
Catarata dos Couros.

#Atrativos – Quando ir e o que fazer na Chapada dos Veadeiros

Abaixo vou fazer uma breve lista das cachoeiras que você poderá colocar no seu roteiro, mas como eu disse lá em cima, as opções são muiiiiitas!

– Catarata dos Couros (uma das minhas favoritas)
– Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (Salto, Carrossel, Corredeiras, Cariocas, Travessia das Sete Quedas)
– Complexo Rei do Prata (ao todo são 7 cachus)
– Complexo Almécegas (fácil acesso, fica entre Alto e São Jorge)
– Cachoeira de Santa Bárbara (uma das mais famosas)
– Cachoeira Candaru (fica próxima a Santa Bárbara, possível fazer as duas no mesmo dia)
– Complexo Macaquinhos (várias cachoeiras, estrada de terra um pouco ruim)
– Vale da Lua (ideal para quem não quer fazer trilha)
– Cachoeira Loquinhas (não conheci, trilha beeeem leve)
– Cachoeira do Segredo
– Dragão (não conheci, a trilha é bem técnica)
– Travessia das 7 quedas (não fiz, fica dentro do parque, são 23km de percurso)

Cachoeira de Santa Bárbara.
Cachoeira de Santa Bárbara.

Obs: para fazer algumas trilhas é obrigatório o acompanhamento de um guia, mas independente da obrigatoriedade eu aconselho contratar um. Quem nos acompanhou nesta viagem foi o Edson e o Doulgas. Vou falar mais sobre o assunto nos post específicos 😉

Obs²: verifique se sua vacina contra febre amarela está em dia, caso não esteja tome uma dose pelo menos 10 dias antes da viagem.

# O que não pode faltar na bagagem

Agora que você já sabe quando ir e o que fazer na Chapada dos Veadeiros vou te contar o que não pode faltar na sua mala:

– Repelente – tem MUITOS insetos por lá, vai por mim e não esquece o repelente!

– Filtro solar

– Chapéu/boné – aqueles chapéus de pescador que cobrem a nuca são os melhores, pois protegem não só a cabeça como os ombros também.

– Garrafa de água – de preferência uma que não seja descartável, pois aí você pode utilizar todos os dias, vai precisar só encher na pousada/camping/cachoeira. Assim, ajudará o meio ambiente e ainda vai economizar!

– Tênis – preferencialmente um mais firme, tipo botinha de trekking. Não passe a vergonha de ir fazer trilha na Chapada usando chinelo, hein!

– Dinheiro – é bom levar alguma quantia em espécie, pois você precisará para pagar os guias, as entradas nas cachoeiras. Não é todo lugar que aceita cartão e bancos são raros.

– Boas energias e cabeça aberta para curtir as vibes positivas da Chapada!

Complexo de Macaquinhos | Chapada dos Veadeiros: Quando ir, o que fazer e onde ficar
Complexo de Macaquinhos | Chapada dos Veadeiros: Quando ir, o que fazer e onde ficar

# Turismo consciente

Gente, quando falamos de ecoturismo é muito importante ter em mente algumas boas práticas para preservar o meio ambiente. Acima falei sobre onde ficar, quando ir e o que fazer na Chapada dos Veadeiros e abaixo vou te dar dicas para aproveitar respeitando o meio ambiente.

1) Não jogue lixo nas trilhas e cachoeiras (isso inclui bitucas de cigarro, papel higiênico e lixo orgânico).

2) Não entre na água usando filtro solar ou bronzeador, isso polui a água.

3) Não faça xixi na água, saia da cachu, vá para a trilha e faça lá na terra.

A Chapada recebe milhares de turistas todos os meses, imagina a quantidade de xixi e filtro solar que pode deixar a água menos pura?! Mesmo a água sendo corrente e não prejudicando o turista diretamente, ela pode prejudicar aquele morador local que bebe a água ou que precisa dela para sua plantação.

4) Não fume nas trilhas. Os incêndios são muito comuns na região, não contribua com eles.

5) Não leve seu animal doméstico para as cachoeiras, por mais bem cuidado que ele seja, ele pode transmitir alguma doença para os animais que vivem na mata.

6) Respeite o meio ambiente e as pessoas que estão na trilha/cachoeira. O cerrado é de todos, cabe a nós protegê-lo e aproveitá-lo em harmonia.

Espero que esse post sobre quando ir e o que fazer na Chapada dos Veadeiros tenha te ajudado e inspirado! Se você tiver alguma dúvida ou dica deixa aqui embaixo nos comentários. Você pode ajudar outro viajante, vamos compartilhar conhecimento!

Para conferir mais fotos desse lugar espetacular dá uma olhadinha no nosso Instagram (@partiuviajarblog) e já aproveita e segue a gente lá!

Beijos e até o próximo post!


Compartilhe este post

12 comentários em “Como planejar uma viagem para a Chapada dos Veadeiros: quando ir, o que fazer…”

  1. Chaveirinho, que orgulho a senhora assim, toda envolvida no nosso cerrado!! <3

    Parabéns, o post tá lindo! Obrigada por compartilhar tanta indicação boa. Espero que cada vez mais viajantes tenham esse tipo de "contaminação" e sejam conscientizados.

    Saudade docê!

    • O prazer é todo meu em divulgar esse lugar tão good vibes que é a Chapada! Vocês tem muita sorte de ter ela aí tão pertinho 😉

      Voltarei em breve, certeza!

  2. Que lindo mesmo! Quando vejo um post desses fico me perguntando como q ainda não conheço nenhuma das chapadas brasileiras hehehe A verdade é que tenho uma preguiça enooorme de destinos que precisam de carro para chegar/sair e/ou para se locomover lá…

    • Essa foi a priemira Chapada que conheci =)
      A próxima da lista é a Chapada Diamantina! Outro tesouro nosso!

  3. A Chapada dos Veadeiros é maravilhosa demais. Além de toda a beleza natural, o povo é muito acolhedor e a energia é fantástica! Ótimas dicas.

    • Mirella, o Cerrado é lindo, ne?! Fauna e flora super ricas, adoro! Serra da Canastra ainda não fui, mas está na minha lista rs

    • Pois é, aquele lugar é imenso! Doze dias lá não dá pra conhecer nem 1/3, acredita? É muito tesouro escondido que tem por lá rs

Deixe um comentário