5 programas imperdíveis para fazer em Santiago – Chile

Oi pessoal, beleza? No post de hoje a Natália Lima, uma das colaboradoras do blog, vai falar um pouquinho sobre o que fazer em Santiago, a capital do Chile. Ela ficou 1 mês lá estudando espanhol e passeando por vários lugares cobiçados por nós,  loucos por viagens. Se liguem no blog pois em breve vai ter review da escola que ela estudou lá, post sobre o Atacama e muito mais!

Santiago ao anoitecer | O que fazer em Santiago
Santiago ao anoitecer | O que fazer em Santiago

O que fazer em Santiago:

Agora, vamos ao que interessa! Confira 5 programas para fazer em Santiago.

1. Passeio no bairro Bellavista

Santiago é cheia de bairros legais, afinal, é uma cidade enooorme com quase 7 milhões de habitantes. Uma das regiões que mais gostei foi o Bellavista, tem várias atrações, dentre elas a antiga casa de Pablo Neruda (A Chascona), aberta para visitação e também uma entrada para o Cerro San Cristobal. Este bairro também tem vários bares e lojas que valem a pena visitar como o Pátio Bellavista.

Patio Bellavista
Patio Bellavista – Foto: Divulgação Patio Bellavista

2. Visite o Cerro San Cristobal

Achei esta uma das atrações turísticas mais interessantes de Santiago. Se assemelha ao pão de açúcar, você pega um trenzinho para subir (chamado funicular) e pode descer de teleférico, ou subir e descer de teleférico, isso fica a seu critério. Assisti o pôr do sol de lá e foi a coisa mais linda.

Cerro San Cristobal | O que fazer em Santiago
Cerro San Cristobal | O que fazer em Santiago

Atenção: geralmente tem bastante fila para subir, então não chegue em cima da hora, umas 4 horas da tarde é um bom horário e da tempo de ver o sol se pôr durante a época de outono ou inverno, já que na primavera e verão o sol se põe depois que o parque fecha. 🙂

3. Visite também o Cerro Santa Lucia

Também uma boa opção para quem quer ver Santiago e a Cordilheira lá do alto. A vista também é linda, não tão alto como o Cerro San Cristobal, mas tem um parque lindo no entorno e com lindas arquiteturas.

Cerro Santa Lucia | O que fazer em Santiago
Cerro Santa Lucia | O que fazer em Santiago

Ponto de atenção: prepare as pernas, a subida pode ser um pouco cansativa.

4. Experimente algumas comidas e bebidas típicas

Aconselho principalmente a CHORILLANA: Batata frita, pedaços de linguiça, frango, carne, cebola e um ou dois ovos fritos. Parece aquelas chapas de carne que comemos no Brasil. Uma delícia e o preço é bem acessível.

Chorrillana - Comida típica do Chile | O que fazer em Santiago
Chorrillana – Comida típica do Chile | O que fazer em Santiago

Também gostei muito de um prato típico lá que é uma carne a sua escolha acompanhado do A LO POBRE: batata frita, cebola e ovo frito. (Sim, ovo frito em tudo, uma delícia).

EMPANADAS. Óbvio.

Checklist: O que levar na bagagem de viagem

Para não esquecer de levar os itens essenciais em sua viagem, baixe gratuitamente o Checklist: O que levar na bagagem de viagem

VINHO. Uma das coisas mais famosas da cidade são os vinhos baratos e de excelente qualidade, vale a pena comprar no supermercado e levar para hotel. Nos restaurantes geralmente são mais caros, mas mesmo assim mais barato que no Brasil.

Santiago - Chile
Santiago – Chile

PISCO SOUR. É uma bebida muito popular no Chile. Você pode bebê-la pura (sabor limão, manga etc) ou existem drinks de Pisco; Pisco-Cola, Pisco-Colado, Pisco-Tudo. 😉

Por fim, uma bebida chamada TERREMOTO, composta por vinho branco (conhecido como Pipeño), suco de groselha e sorvete de abacaxi! A bebida é uma homenagem aos tremores sentidos na cidade e também é bem docinha, ou seja, você vai bebendo e nem percebe que o mundo a sua volta já esta estremecendo, hahaha.

Bebida terremoto
Bebida terremoto | O que fazer em Santiago

Por último se você gosta de cerveja, experimente esta aqui: Calafate, Austral. Foi uma das melhores que já tomei. 😉

5. Estude espanhol

Da pra se virar sim com português por lá, mas não tem coisa mais bacana do que saber falar corretamente a língua do país. Como as nossas línguas são parecidas, as chances de confundir as duas são altas, porém conseguimos aprender muito mais rápido. Por isso, se você tiver a chance, seja de 1 semana a 4 semanas de férias,  super aconselho mesclar turismo com estudo.

A própria escola te leva pra conhecer a cidade e você ainda vai fazer vários amigos. Eu mesma fiz isso por 4 semanas com a Tandem Escola de Idiomas, dá uma conferida no site da escola e depois acompanhe a avaliação que faremos dela.

Certificado do curso de espanhol
Certificado do curso de espanhol

Por hoje é isso! Qualquer dúvida sobre a cidade, o país ou sobre intercâmbio de espanhol em Santiago é só perguntar aqui embaixo.

Um beijo e até mais!