Quando será seguro viajar após a pandemia do coronavírus? Veja nossa análise!

Compartilhe este post

[ATUALIZADO em JUNHO] Quando será seguro? Será como antes? Essas são perguntas que estão deixando sem sono viajantes como eu e você. Mas não só os viciados em viajar estão com essas dúvidas, pessoas que trabalham e dependem do turismo também! Abaixo te conto minha opinião e a de outros especialistas do ramo sobre o tema viajar após a pandemia do coronavírus.

Lembro que tomei ciência do coronavírus logo que 2020 começou, fiquei muito preocupada pois estava com viagem marcada para a China, epicentro da doença. Hoje, 5 meses depois, acredito que ninguém poderia prever que a doença ia tomar essa proporção gigantesca que tomou. O vírus mexeu não só com a saúde das pessoas, mas com a economia e política do mundo.

Casos de coronavírus no Brasil, Junho | Viajar após a pandemia do Coronavírus?
Casos de coronavírus no Brasil, Junho.

Até a publicação deste artigo, o isolamento social é a única forma que o mundo encontrou de frear a propagação do coronavírus. Temos que ficar em casa (se pudermos) ou evitar os deslocamentos desnecessários. Viajar, apesar de ser minha paixão e estar diretamente ligada a minha profissão, não figura como ação essencial neste momento. Toda economia está sendo afetada, o setor de turismo e áreas ligadas a ele foram e ainda serão muito atingidas.

Veja também:

Como montar um roteiro de viagem completo [passo a passo]
Quanto custa viajar: Chapada dos Veadeiros em 10 dias!

Segundo estudo da FGV, “os danos diretos à economia do turismo são significativos e se agravam sob uma determinada condição: a duração do período de isolamento social. Não se sabe ainda quando serão suspensas as medidas de contenção social nem se haverá outras ondas de contágio.”

# Quando será seguro viajar após a pandemia do coronavírus?

Vamos analisar as situações de países que foram epicentro da doença. Tais países já estão em etapas mais avançadas que o Brasil com relação ao desenvolvimento da pandemia. Com a análise poderemos ter uma ideia sobre o que podemos esperar nos próximos meses.

Casos de coronavírus no mundo, segundo a OMS - Viajar após a pandemia do coronavírus
Casos de coronavírus no mundo, segundo a OMS.

Evolução da doença na China – viajar após a pandemia do coronavírus

O Covid-19 foi descoberto em Dezembro/2019, na China. O primeiro caso confirmado aconteceu em 11/01 e a primeira morte ocorreu em 15/01/2020. Em 13/02 aconteceu o pico da doença. Em 04/05, foram confirmados apenas 8 novos casos. Já em 03/06, o país tinha 4.645 mortes e 1 novo caso por dia.

O país ainda não abriu suas fronteiras para turistas entrageiros viajarem a turismo.

Evolução do coronavírus na Itália

Em 29/01 foram confirmados 2 casos da doença. Já, em 20/02 foi confirmado o 1º óbito por Covid-19. O pico diário se deu em 21/03. Até o dia 03/06 foram confirmadas 33.530 óbitos. Atualmente a curva está achatando, mas ainda são confirmados mais de 100 casos por dia.

Em Maio os museus, bares e restaurantes começaram a ser reabertos, todos respeitando um protocolo de distanciamento social. As fronteiras foram reabertas em Maio para cidadãos europeus e partir de 03/06 foi revogada a necessidade de fazer quarentena ao entrar no país.

Evolução da doença nos Estados Unidos

Segundo a OMS em 20/01 foi confirmado o 1º caso da doença. A primeira morte confirmada foi no dia 06/02. O pico aconteceu no dia 26/04. Até 03/06 o país contabilizava um total de 106.051 mortes e mais de 10.000 novos casos por dia.

As fronteiras permanecem fechadas para viagens não essenciais. No final de Maio, o Presidente americano anunciou restrições à entrada de cidadãos brasileiros.

Evolução no Brasil

Em 26/02 é confirmado o primeiro caso de Covid-19. Já em 17/03 é confirmada a 1ª morte. Até dia 05/05 foram registrados 114.715 casos da doença e 7.921 mortes. Quase 1 mês depois, em 03/06, os números são de 584.016 casos confirmados e 32.548 óbitos.

Gráfico de casos do coronavírus no Brasil em Maio/Junho - Quando será seguro viajar após a pandemia do Coronavírus?
Gráfico de casos do coronavírus no Brasil em Maio/Junho.

Obs: levei em conta os dados oficiais, divulgados pelas autoridades da saúde, porém sabemos que existem muitos casos de subnotificação. Os números de mortes e as datas dos primeiros casos e mortes podem ser modificados a qualquer momento, visto que muitos países estão descobrindo que a doença chegou antes e agia silenciosamente.

Comparando com os EUA, podemos notar que o Brasil estava 4 semanas atrás na evolução da pandemia.

Como ficam meus planos de viagem em 2020?

Sendo realista, se você tem viagem internacional a turismo marcada para o 1º semestre pode pensar em um plano B. Ao que tudo indica, será impossível viajar a turismo antes de Setembro. Isso por 2 fatores, o mais óbvio é que não é seguro, visto que o surto não está controlado e, também, pois as fronteiras estão fechadas.

Nosso governo está muito instável e nosso barco Brasil navega em águas agitadas, é possível que nossas fronteiras sejam abertas antes das fronteiras europeias, por exemplo, mas de nada adiantará se nossa entrada não for permitida lá.

Se você tem viagem marcada no Brasil para Junho e Julho, remarque. Não é hora de viajar, não é seguro. Eu estou planejando minhas viagens, pelo Brasil, para Setembro em diante. Mas não sei se será possível concretizar esses planos, tudo vai depender de como agirmos agora, respeitar o isolamento social, lavar as mãos e usar máscara é essencial para conter o vírus.

Igreja Nossa Senhora do Carmo.
Viaje pelo Brasil quando for seguro – Ouro Preto/MG.

Segundo o estudo da FGV, “a reação do setor tende a ser lenta, e será motivada, em um primeiro momento, pelo retorno do consumo, especialmente por viagens essenciais, saúde e visita a parentes após o surto da doença. Em um segundo momento, o impulso será de retomada das viagens domésticas de lazer e trabalho. O terceiro momento trará de volta eventos corporativos e culturais e, mais para o final do período de estabilização, o início da retomada do turismo internacional.”

Aproveite as próximas semanas para planejar suas próximas viagens! Aqui no Blog, por exemplo, temos muitos artigos bacanas com dicas de destinos e roteiros nacionais e internacionais! Temos, também, ebooks para te ajudar no planejamento das viagens para Europa e África do Sul.

Se você pretende viajar nos próximos 6 a 12 meses agora é o momento de começar o planejamento da sua viagem. Pesquise passagens, acomodações, destinos e roteiros. O segredo para uma viagem inesquecível é um planejamento detalhado.

Aproveite os meses de Maio/Junho para pesquisar e planejar.

Para quem gosta de assistir filmes e séries, na Netflix e outras plataformas streaming existem várias opções para você viajar sem sair de casa, como a série La Casa de Papel e o clássico “Comer, rezar e amar”. Se você ainda não leu meus post “10 filmes de viagem para viajar sem sair de casa!”, dá uma conferida na minha lista para se inspirar!

Ahh, outra coisa que você pode fazer é economizar, isso mesmo! Veja como você pode mudar seus hábitos de consumo para juntar dinheiro para viajar no futuro. Se precisar de ajuda, dá uma lida no post “15 dicas para juntar dinheiro para viajar mais: comece agora!“.

Como ficam meus planos de viagem em 2021? – viajar após a pandemia do coronavírus

Se você tem viagem marcada para 2021 não é preciso se preocupar agora. Deixe como está e aguarde o desenrolar da situação do coronavírus. Muita coisa pode e vai mudar de hoje até 2021.

Alguns leitores me mandaram mensagem no Instagram perguntando sobre os pacotes oferecidos pelo Hotel Urbano. Minha opinião é que o valor das promoções deles está muiiiiito abaixo do valor de mercado e você deve ter cautela se for comprar. Leia com bastante atenção o contrato e vá acompanhando as notícias com relação a saúde financeira da empresa.

# Viaje pelo Brasil em 2020

Se você, como eu, é uma pessoa que gosta de planejar suas viagens com antecedência deve estar passando por um período de muita ansiedade. Minha sugestão é: pense em viajar pelo Brasil em 2020, quando for seguro. Dá uma conferida no post “15 sugestões incríveis de destinos para viajar no Brasil em 2020”, no qual te falo sobre vários lugares maravilhosos aqui, pertinho da gente!

Escrevi também um post super especial para os noivos e noivas, se você vai casar nos próximos meses e ainda não sabe onde passar a lua de mel, confere o post “20 lugares para lua de mel no Brasil: do econômico ao luxuoso!“.

Almécegas I.
Almécegas I – Chapada dos Veadeiros/GO.

Como estamos aprendendo a lidar com o coronavírus ainda não podemos confiar que a situação vai melhorar daqui 2 ou 3 meses, a ponto de podermos voltar ao “normal”. É imprevisível! Os governos ainda não sabem quando irão reabrir as fronteiras para estrangeiros e ficar neste jogo de adivinhação só vai trazer mais ansiedade para você.

Pensando pelo lado econômico, o setor de Turismo brasileiro vai precisar muito do nosso apoio. Segundo dados do IBGE, o setor representa 3,71% do PIB, e é composto por diferentes atividades que serão diferentemente impactadas nessa crise. Se você quiser ler na íntegra o estudo da FGV que eu citei neste post, acesse este link.

No meu estado, Minas Gerais, temos muitas cidades lindas que merecem ser conhecidas, como: Ouro Preto, Tiradentes, Diamantina, Serro, Carrancas etc São cidades pequenas, históricas, onde você poderá ter contato com a natureza e evitar lugares fechados e cheios de pessoas.

Cachoeira da Zilda.
Cachoeira da Zilda – Carrancas/MG.

# Como será viajar após a pandemia do coronavírus?

Viajar após a pandemia do coronavírus não será como antes e isso é fato! A nossa vida de uma maneira geral não será como antes. Tivemos que nos adaptar e mudar muitas coisas no nosso dia a dia por conta da pandemia e algumas dessas mudanças vão permanecer.

Pode ser que daqui uns 2 anos as coisas voltem novamente ao que era antes da pandemia? Sim, mas acredito que não vai acontecer, pois mesmo achando uma vacina para a Covid-19, outras doenças podem surgir. A Covid-19 abriu os olhos do mundo para o que um “simples” vírus pode causar e não queremos ser pegos de surpresa de novo, certo?!

É fato que na era pós Covid-19 os aeroportos, rodoviárias, hotéis, atrações turísticas terão que se organizar para garantir a segurança dos consumidores e dos próprios funcionários. É preciso ter um rígido e eficiente sistema de higienização, organização das filas para evitar aglomerar pessoas etc.

E, ao que tudo indica, mesmo após o controle inicial do surto, teremos que aderir a moda de vários países asiáticos no que diz respeito ao uso de máscaras quando formos passar por locais com alto número de circulação de pessoas.

Leia também:

Quanto custa viajar: 5 dias em Foz do Iguaçu
Quanto custa viajar: Rio de Janeiro em 4 dias!

# Conclusão

Consegui responder suas dúvidas sobre quando será seguro viajar após a pandemia do coronavírus? Como eu disse, o momento é incerto e as informações estão mudando muito rápido. Antes de comprar qualquer coisa relacionada a viagens, pesquise sobre o local e veja se já é seguro viajar pra lá.

Lembrando que, nos meses de Junho e Julho, não é seguro viajar a turismo para lugar algum, sendo ideal seguir as orientações da Organização Mundial da Saúde e permanecer em casa o máximo que puder. O Brasil ainda não atingiu o pico da doença e a curva continua crescendo.

Obs: esse post será atualizado com frequência para você se manter informado sobre a questão. Caso tenha alguma dúvida, pode mandar um email para [email protected] que nós te ajudaremos a decidir se seus planos de viagem são viáveis ou não.

Siga nosso Instagram e fique por dentro das novidades sobre quando será seguro viajar após a pandemia do coronavírus.

Beijos e até a próxima!


Compartilhe este post

6 comentários em “Quando será seguro viajar após a pandemia do coronavírus? Veja nossa análise!”

    • Celina, o momento é muito triste mesmo, mas vamos superar! Obrigada pelo elogio e fique bem aí! Dias melhores virão! =)

      Responder
    • Ei Felipe, obrigada! Então, também acho… pelo menos agora em 2020. Estamos todos apreensivos e lidando com uma doença nova e sem cura ainda. Quando for possível viajar novamente, conhecer nosso país é uma ótima ideia!

      Responder
  1. Parabéns pelos alertas de que, mesmo com a possível abertura das fronteiras não é confiável viajar ou relaxar as medidas de segurança no que diz respeito à pandemia. Muitas pessoas, ao contrário de você, ficam incentivando a sairmos do isolamento (pra quem pode ficar em casa), sem se dar conta de que a Covid não escolhe pessoas. Gostei muito de sua honestidade, sendo você profissional do ramo do turismo que depende bastante dos gastos de quem viaja, entretanto nos mostra que sabe o valor de nossas vidas a qual nenhum dinheiro paga, muito menos traz de volta.

    Responder
    • Ei Maria! Pois é, dependo do turismo para viver, mas não quero que ninguém arrisque a saúde por isso, ainda não é o momento de viajar e quero alertar as pessoas sobre isso para que todos fiquem seguros. Muito obrigada pelo seu comentário =)

      Responder

Deixe um comentário